sábado, 29 de outubro de 2011

VENDE-SE CRF 230






 

VENDIDA


VALOR TRATAR PELO: 35-9107-1350 OU 35-3821-9940 RONALDO

                                          35-9107-1353 POMBO

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Trilha 16/10/2011

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Trilha 02/10/2011

Ao pessoal de Campo Belo, vocês são sem bem vindos aqui em Lavras.



Videos

 
  


segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Trilhão de Lavras


Parabéns aos Organizadores. O Trilhão foi show de bola.

E aos que não foram, ano que quem tem mais.



 
  
  
 

terça-feira, 6 de setembro de 2011

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Trilha 21/08/2011

Mais uma trilha pelas belíssimas paisagens da nossa região, e se quisermos continuar a desfrutar dessas natureza magnífica temos ter consciência.

Todo mundo já deve estar sabendo mas não custa reforçar.  Não devemos passar pelo João sem Braço  e Três dois um e nem pensar em Ninho das Águias e Telequeti.




ps: O piloto com GPS teve que voltar mais cedo pra casa por ter o pneu da moto furado, por isso a volta pela estrada

 


sábado, 20 de agosto de 2011

Darim - Campeão na Categoria e Terceiro na Geral

PARABÉNS !!!!



"O piloto mineiro Dário Júlio, da Equipe Honda Mobil, é campeão da categoria Production Aberta (690cc) do Rally dos Sertões 2011. Ele cumpriu nesta sexta (19) a décima e última etapa, entre Sobral e Caucaia, na grande Fortaleza, no Ceará, com 86 quilômetros de trechos cronometrados, em 1h12min47s. O resultado garantiu a Dário, com a Honda CRF-450X, o terceiro lugar na classificação geral acumulada entre as Motos."

Classificação Geral

1º CYRIL DESPRES
2º FELIPE ZANOL
3º DARIO JULIO SOUZA
4º JUAN PEDRERO GARCIA
5º DAVID CASTEU

Classificação Production Aberta (extraoficial):

1- #4 Dário Júlio (BRA)31h20min48s
2- #38 Marco Antonio Pereira (BRA) 33h14min36s
3- #11 Felipe Prohens (CHI) 34h34min29s
4- #39 Rubens Neiton (BRA) 35h21min47s
5- #45 Osmar Yuiti Shimosaka (BRA) 36h05min29s



fonte: http://www.dariojulio.com.br/

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Denúncia contra Trilheiros

ATENÇÃO foram feitas denúncias contra os trilheiros no site Jornal de Lavras, para evitarmos mais transtornos vamos evitar andar por trilhas sem conscientização do proprietário da terra,

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Piada - A amante



Marido e mulher estão jantando num restaurante finíssimo, quando de repente, uma loura maravilhosa se aproxima da mesa, tasca um tremendo beijo na boca do marido e vai-se embora, sem dizer uma palavra. - O que é isso, Juvenal? Quem é essa mulher! E o sujeito, constrangido: - Bem, querida... eu ia te contar... - Então conte já! - Essa é minha amante! - Amante? Ora essa! Mas que desaforado! Quero o divórcio imediatamente! - Tudo bem... mas é ela que financia nossas férias na Europa, as roupas que você usa, as festas que a gente da... Ela fica em silencio e continua comendo. De repente, um amigo do casal passa exibindo uma morena estonteante. - Quem essa mulher que esta com o Toninho, Juvenal? - É a amante dele! - A nossa é muito melhor, você não acha?

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Darim no Sertões – Terceiro na geral!



"Hoje o dia foi bem tranquilo, mas não consegui andar tudo o que eu podia, o tal cano de descarga amassado não me deixa passar dos 145km/h, e como no dia de hoje tivemos retões intermináveis, sendo que um deles tinha 11km, não tive como melhor muito meu tempo, mas mesmo assim, meu principal adversário da minha categoria esta a 1h30min de distancia atrás de mim, e como faltam apenas 3 dias de prova e estou a 28 minutos atrás do primeiro colocado, vou chegar na boa, sem arriscar e sem colocar minha prova em risco, esse é meu segundo ano e estou muito feliz com meu resultado até o momento!
Para eu melhor meu tempo, vou ter que trocar o cano, mas o cano que eu trouxe reserva, terei que tirar um dos tanques de gasolina, não posso arriscar uma pane seca de forma alguma, vou continuar numa batida mais moderada para chegar”, disse Dario.

fonte:Motoraid

domingo, 14 de agosto de 2011




KTM Six Days 2012...Desejo de vários, realidade de poucos...

Como se conhece um TRILHEIRO

Se o trilheiro não se identificar com pelo menos 70 % dos itens abaixo recomendo a vender a moto e compra uma mesa de sinuca kkkkkk

Você sabe como distinguir um trilheiro de uma pessoa “normal”? É muito fácil, basta observar alguns pequenos detalhes, são eles:

1)Possui pick-up ou carro com engate.

2)Ao dirigir seu carro (ou pick-up) por uma estrada, fica olhando para todos os morros ao redor e pensando se dá p/ subir.

3)Ele fica com insônia nos dias anteriores as corridas ou trilhões

.4)No dia a dia só usa roupas e bonés de marcas como Fox, ASW, Acerbis e outras marcas que as pessoas “normais” nunca ouviram falar.

5)Só fala de moto, o tempo todo. Quando não está falando de moto, está falando do equipamento de proteção.

6)Fica “rodando” os canais de esporte da TV por assinatura p/ ver se tem algum esporte motociclístico passando.

7)Assiste uma prova inteira de algum esporte motociclístico (mesmo que seja motovelocidade), do início ao fim, mesmo sob protesto do resto da família inteira.

8)O plano de fundo da área de trabalho do seu microcomputador é de algum motivo Off Road.

9)Deixa de comparecer a todos os eventos nos finais de semana (batizado, casamento, aniversário da querida sogra, etc) porque tem uma “trilha imperdível” marcada.

10)Vive cheio de hematomas e arranhões pelo corpo, ou usando talas, curativos, etc.

11) Gasta a maior parte da sua grana em motos ou equipamentos (mesmo que escondido da mulher).

12) Tem uma relação amorosa (namoro, casamento ou mesmo caso) conturbada, dividida entre a esposa e a sua concorrente, a motoca.

13) Sua mulher vê a moto como uma concorrente potencial, a qual tem vontade de atear fogo.

14) Sai na chuva sem guarda-chuva, no frio sem blusa, etc, afinal ele é trilheiro, então essas coisas não o atingem.

15) Só pede presentes que ninguém consegue encontrar, como um óculos novo, luva nova, roupa nova, etc. Seus parentes sempre dizem: “por que ele não pede uma carteira ou CD como todo mundo? Onde vou achar este negócio?” (procura na Kemeron Motos ).

16) Seu carro possui vários adesivos de marcas do Off Road.

17) Sua sogra sempre diz a filha que ele a trocou pela moto (e o pior é quando ela acredita!!!).

18) É o único que fica contente quando chove no final de semana (exceto os trilheiros “de açúcar” que ficam em casa vendo o Faustão).

19) O cara só possui revistas de Motos Off Road na sua casa, como a Pró Moto.

20) Fica rindo quando lê este texto, pois está se identificando como o próprio.

Fonte Motoraid

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Sertões 2011


Cerimônia de abertura hoje e amanhã começa o "pega-pa-capá"

Darinho, estamos aqui em Lavras torcendo por você!!

Mostra pra esses "rôias" como é pilotar..rsrssr





terça-feira, 12 de julho de 2011

Bastante gente

Vocês acharam que semana retrasada tinha bastante moto em nossa trilha.... olhem isso.. rsrsrs

segunda-feira, 11 de julho de 2011

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Trilha 03/07/2011

Alguns dos lugares por onde nós passamos
morro do Cavalo, morro 3 Riscos, morro Denorex, Carrapatinho, morro Urubuzinho, morro João sem Braço e Mangueiras

quarta-feira, 29 de junho de 2011

trilha 24/06/2011

Acabou a bateria do GPS no meio da trilha, mas uma parte da trilha conseguimos gravar.

Garitão

Trilheiro em verso e prosa

Para o primeiro post acho não tem mais nada adequado, isso pode se tornar uma oração ou até mesmo um hino..rsrsrrs


Por que sou trilheiro??!!
Autor: desconhecido

Meu amigo, e vô logo lhe explicá,
Melhor esporte nessa vida, acredito que não há.
Trabaio a semana inteira, tentando o banco pagá,
Mas quando chega o domingão e/ou sabadão, quero mesmo "açulerá!"

A muié logo me xinga... vê se não vai se sujá!
Sinão a sua roupa, sua mãe qui vai lavá!
Eu até qui cuido muito, tento num mi encharcá,
Mas no primeiro atoleiro, a roupa vai embarrá.

Encontro os companheiro no Posto, e passamos prosiá,
lá pelas tantas, nóis sai bem divagá,
Pra modi os "homi" da lei, cum nóis não imbaça!

Logo os mais apressado, na ponta qué andá,
Mas quase sempre uma vaca, certeza que vão levá.
Tem trilheiro de importada, com suspenção preparada,
Tem trilheiro de Tornadona, que é muito pesadona.
Tem trilheiro de DT, que mais pareçe um ET.

As veiz tem uns morro, é lá que quase morro.
Açulero minha DT, que chega "tini" o motor,
O escapi fica tão quente, que derrete os protetôr.
Logo noo começo do morro continuo aceleranu,
Mas quando chego no meio, a lazarenta tá faianu,
E mais um tombo vô levandu.

Nisso passa os "bão da boca" cas importadona,
Aceleram em cima de mim, e jogam pedra pra daná,
Mais um dia se Deus quizé, uma importada vô compra,
E aqueles "mizerentos" vão te que me aguentá.

Quando chega a tardizinha, nóis já tá acabadin,
Dai nóis vorta pra cidade, bem divagardizim,
Porque se corrê muito, num vai memo adiantá,
Na metade do caminho a "gasosa" vai acabá!
E aí um cumpanhero, vai te que me arrastá.

Aí nos para na cachaçaria, e começa a prosiá,
Tem sempre algum rôia, pra gente "sacaniá",
O garçon traz a cerveja, e um brinde nois vai dá,
Graças a Deus outra trilha, sem ninguém se machucá.

Intão vorto pra minha casa, pra patroa aguentá,
Mas to tão bem humorado, que quero inté namorá,
Boto uma ropa bacana e levo ela pra jantá, que é pra
modi semana qui vem ela me dá o "arvará".
E com meus mió amigo, eu torná "açulera!